Domingo, 27 de Setembro de 2020
Pinga Fogo

Decisão do CNJ põe fim em disputa pela Esmam, por enquanto


show_TJAM-e1476485102288_00091552_0_39FDAFD3-57FF-4696-8771-9BF9FEA7780A.jpg
05/08/2020 às 08:18

# O processo de nomeção para direção da Escola Superior de Magistratura do Amazonas (Esman) teve um fim - pelo menos por ora.  Ontem o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) decidiu, por 14 votos a 1,  manter nomeação do desembargador João Simões a diretor da escola. 

# Em julho, a conselheira do CNJ Maria Cristiana Amorim Ziouva, suspendeu a nomeação de João Simões e determinou a posse do ex-presidente do TJAM, Yedo Simões, que chegou a assumir o cargo.

# Yêdo Simões, que contestou a decisão do presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM) Domingos Chalub, já havia dito que iria recorrer até a última instância e levar, se preciso fosse, o caso ao Supremo Tribunal de Justiça. Resta saber se essa história terá mais um capítulo.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.