Terça-feira, 27 de Outubro de 2020
caso no educandos

IML identifica corpos de integrantes do CV mortos em confronto com a polícia

Os suspeitos, que ainda foram socorridos e levados para o Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, na Zona Sul, trocaram tiros com a PM minutos após invadirem uma boca de fumo no Educandos



iml_85E372D0-EAEC-482B-8ABF-4A5EE633A0FB.jpg Foto: Reprodução
19/01/2020 às 14:17

Os cinco homens, entre eles um menor de 15 anos, ligados à facção criminosa Comando Vermelho (CV), mortos na última sexta-feira (17), tiveram seus corpos identificados, na tarde de sábado (16), horas depois de terem trocado tiros com policiais da Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam). Na ocasião, segundo a polícia, eles iriam invadir uma área do bairro Educandos, na Zona Sul de Manaus, conhecida como 'Beco da Bomba'.

Os suspeitos, que ainda foram socorridos e levados para o Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, na Zona Sul, trocaram tiros com a PM minutos antes de chegarem a atacar a boca de fumo pertencente à facção rival Família do Norte (FDN). 



Alberone da Silva Rodrigues, de 23 anos, Derick Silva da Silva, 15, Franc Danilo Pereira da Silva, 29, Marllon Cristian dos Santos Bezerra, 28 e Emerson Brasil da Silva, que não teve a idade divulgada, estavam ocupando o veículo da marca Renault, modelo Clio, que foi apreendido e levado ao pátio do 1° Distrito Integrado de Polícia (DIP), logo após a grupo ter trocado tiros e morrido na ação.

A polícia encontrou, ainda com os mortos, cinco armas de fogo; três pistolas, sendo duas pt. 40 e uma 9mm, além de dois revólveres de calibre 38. O veículo, segundo a polícia, era roubado.

O armamento foi entregue à Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). Os corpos foram liberados para as famílias.

News fe58c969 f689 427d bdc3 fb9389c2f509 adee0aa5 fa35 42f7 850c 32125f8d473c
Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.