Segunda-feira, 25 de Maio de 2020
teatro

Festival online - evento reúne 20 espetáculos do Norte do Brasil

Potência das Artes do Norte acontece de 11 a 19 de maio, com exibições virtuais



Capturar_D5D38C2C-3C95-4906-BF41-44CB85A41C81.JPG Peças selecionadas já foram apresentadas em festivais de teatro por todo o Brasil (Foto: Divulgação)
05/05/2020 às 09:29

Em tempo de pandemia, onde o distanciamento social se faz necessário para reduzir os índices de contágio do novo coronavírus, o cenário artístico teve que se reinventar e o acesso à arte passou a ser, em sua maioria, virtual. Nesses moldes, surge o “Potência das Artes do Norte” (Pan), festival online de artes que contará com a participação de espetáculos oriundos do Amazonas, Pará, Roraima, Amapá, Tocantins, Rondônia e Acre, e será realizado de 11 a 19 de maio.

Com uma programação que contará com 20 espetáculos de todos os estados da região Norte, a iniciativa busca minimizar os impactos causados pelo isolamento social, possibilitando que o público tenha acesso às obras da programação, sem sair de casa durante o período de realização do festival.



"Acredito que o restabelecimento dessa rede e união é algo que pode gerar muitos frutos. Tem também a possibilidade de trabalhos sendo exibido para novos públicos, pessoas de outros estados, que dificilmente conseguiriam ver ao vivo. Os espectadores poderão conhecer mais a fundo as diferentes realidades nortistas e alimentarem sua alma com arte e afeto, por meio das mais diversas linguagens que o festival contempla", ressalta a coordenadora geral do festival, Ana Oliveira.

Expressão amazonense

Para os artistas do Amazonas que estão com espetáculos confirmados na programação, o festival é uma iniciativa importante para fortalecer e impulsionar a cena artística local. 

“Ficamos muito felizes com essa proposta, pois além de valorizar os artistas do Norte e nos posicionar como uma potência, também irá promover mais um elo de comunicação e maior aproximação com os demais artistas da nossa Região. Diante da pandemia, também precisamos reverter a situação econômica da classe artística, haja vista que pelo decreto estadual só retornaremos as atividades a partir de agosto. Por isso, a iniciativa da bilheteria online é super importante e tem sido muito bem aceita pelo público”, afirma o artista e diretor da companhia Ateliê 23, Taciano Soares. 

O Ateliê 23 participará da programação com o espetáculo “Helena”, o qual foi apresentado no Itaú Cultural e indicado ao prêmio Brasil Musical. De acordo com o diretor da companhia, a história de Helena conta a história mostra a força de uma mulher real na sociedade. As histórias da vida real, inclusive, formam a base do trabalho artístico do Ateliê 23, que completará sete anos de atuação em agosto. A peça será apresentada no dia da abertura do evento (11/05), às 21h.

Para o diretor do Grupo Jurubebas, Felipe Maya Jatobá, o festival surgiu num momento crucial para as artes cênicas. “Fomos um dos primeiros atingidos pela pandemia e seremos um dos últimos a voltar às nossas atividades, uma vez que o nosso diferencial é trabalhar diretamente com as pessoas, com afeto, sensibilidade e olho no olho. Portanto, o evento vem para aproximar a classe artística e promover a oportunidade de criar uma rede de contatos para que, após esse período de pandemia, possamos voltar mais fortalecidos”, enfatiza o artista.

Ainda de acordo com Felipe, o festival também será uma oportunidade para alcançar novos lugares na região Norte, uma vez que o espetáculo foi apresentado em outras regiões do País, como Sul e Sudeste. “Com esse intercâmbio cultural virtual, poderemos atravessar o próprio Norte e compartilhar a nossa própria linguagem da pesquisa de dramaturgia de autoficção, bem como dialogar com artistas e ampliar nossas experiências e conhecimentos”, afirma o diretor. 

Na programação, o Grupo Jurubebas irá apresentar o espetáculo juvenil “Quarto Azul”, uma obra que retrata “as primeiras vezes”. Momentos como o primeiro beijo, o primeiro encontro, a primeira relação sexual, são temas que permeiam as cenas. A peça será apresentada sexta-feira (15/05), às 14h. 

Arte para refletir

A programação contará ainda com o "Setorial de Teatro do Norte", um braço da programação do Pan que visa convocar artistas, técnicos e produtores culturais do setor da economia criativa, para refletir acerca das ações que envolvem as esferas de governo e promover um debate aberto e criativo sobre as iniciativas para o setor após a pandemia de Covid- 19.

“Há um tempo que os Estados do Norte não se visitam entre si para dialogar acerca de políticas públicas ligadas a cultura. Acreditamos que o Pan pode trazer essa mobilização novamente, mesmo mediado por tecnologia, a força fundamental de manutenção das artes: o coletivo”, pondera Francis Madson, que está à frente da programação acadêmica do evento.

Bilheteria 

O ingresso unitário no valor de R$ 5 garante acesso a um dos espetáculos da programação. A compra do Combo 1 (R$ 20)  garante o acesso a cinco espetáculos e o Combo 2 (R$ 80) dá direito à programação completa do festival. Há ainda o 'Selo Patrocinador', no valor de R$ 100. Com ele você assiste toda a programação e ganha de brinde o livro "Dramaturgias", de Francis Madson, autografado. Parte do valor arrecadado na bilheteria será voltado à programas que atendem artistas em situação de vulnerabilidade na região Norte.

Os ingressos podem ser adquiridos no link bit.ly/BilheteriaOnlPAN. Para comprar, preencha as informações solicitadas, juntamente com os espetáculos escolhidos para que seja redirecionado à etapa de pagamento pelo PagSeguro na próxima seção.

Após a confirmação do seu pagamento, será enviado ao e-mail informado no cadastro os links e detalhes de acesso ao espetáculo desejado. A exibição dos espetáculos ocorrerá através do aplicativo Zoom (https://www.zoom.us/). Se você nunca usou, precisará baixar no celular, tablet ou no computador.

Programação

Segunda-feira (11/05)

9h30 - "Augusto" (RR) - Locômbia Teatro de Andanças // Livre
14h - "Pensamento de perto"
21h - "Helena" (AM) - Ateliê 23 // 14 anos
 

Terça-feira (12/05)

9h30 - "Imundo de Sofia" (AM) - Ana Oliveira // Livre
21h - "A Mulher do Fim do Mundo" (AC) - Associação Artística Cultural Companhia Casa Circo // 14 Anos

Quarta-feira (13/05)

9h30 - "Curupira - 10 MILHÕES DE NÓS" (PA) - IN BUST Teatro com Bonecos // Livre
14h - "Tempo de Brincar" (TO) - Trupe Açu // Livre
21h "Provérbios de Burro" (AM) - Ítalo Rui // 14 Anos
 

Quinta-feira (14/05)

14h - "Ikuâni" (AC) - Cia. Garatuja de Arte Cênicas // 14 Anos

21h - "Marahu" (PA) - Cia de Teatro Madalenas // 14 Anos
 

Sexta-feira (15/05)

9h30 - "ÜHPÜ - Corpo" (AM) - Grupo Tabihuni // LIVRE
14h - "Quarto Azul" (AM) - Grupo Jurubebas de Teatro // 14 Anos
 

Sábado (16/05)

9h30 - "Vestido Queimado" (AM) - Soufflé de Bodó Company // Livre
14h - "A Borracheira" (RO) - O Imaginário // LIVRE
21h - "Quando encontramos sonhos perdidos nas roupas que costuramos" (AM) - Grupo Garagem // 16 Anos
 

Domingo (17/05)

9h30 - "Preciso Falar" (AM) - Cacompanhia de Artes Cênicas // 10 Anos
14h - "Diário das Marias" (AM) - Cia Trilhares // 14 Anos
21h - "Rito de Passagem" (AM) - Índios.com Cia de Dança // 16 Anos
 

Segunda-feira (18/05)

14h - "Pensamento de perto"
21h - "Marília Gabriela não vai mais morrer sozinha" (AM) - COLETIVO UTC-4 // 16 Anos
 

Terça-feira (19/05)

9h30 - "As nove luas" (RO) - Cia de Artes Fiasco // 12 Anos
14h - "Setorial do Norte"
21h - Show de Encerramento "Gramophone em Estúdio" (AM) // Livre

A programação completa do Festival também está disponível para download no link https://bit.ly/PAN20programacao

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.