Segunda-feira, 25 de Maio de 2020

Lições no continente mais gelado em novo livro de Bruna Chícharo

Escritora amazonense lança seu segundo livro: 'Antártida -cartas do fim do mundo' que já está em pré-venda pela editora Valer


17/05/2020 às 16:02

Por Laynna Feitoza e Lucy Rodrigues*

Ir para a Antártida foi uma experiência incrível na vida da advogada Bruna Chíxaro, 28. “É o mundo selvagem, tal qual o início dos tempos. Embarcar nessa aventura foi um desafio pessoal, mas me fez compreender melhor meu lugar no mundo e a necessidade de nos sentirmos bem em nossa própria companhia”, destaca a jovem.
Todos os dias, durante a viagem, Bruna escrevia para uma pessoa diferente e enviava por e-mail - o que totalizou 10 correspondências.“O intuito era fazer com que meus amigos e familiares tivessem a sensação de estar lá comigo”, coloca ela. Tal ideia originou o livro “Antártida – Cartas do Fim do Mundo”, que está em pré-venda pelo site da Editora Valer.
Com as cartas, a intenção de Bruna também era manter todos tranquilos em relação à sua segurança – uma vez que Chíxaro viajou para lá sozinha. A ideia de transformar as mensagens em livro, segundo ela, surgiu somente depois que ela retornou ao Brasil. Apesar de ter escrito as cartas durante a viagem, a jovem levou três anos para decidir publicar.
“[O livro] é um relato de viagem que aborda aspectos históricos e culturais da humanidade. Ao mesmo tempo, há comunicação com o gênero epistolar, pois faço uso de cartas para contar histórias e descrever o encontro com a Antártida”, complementa a advogada, lembrando que um dos seus aprendizados com a viagem a fizeram perceber que é preciso levantar a sustentabilidade como o maior valor da humanidade.
A escolha do destino da viagem se deu em razão da vontade de Bruna em conhecer todos os continentes do planeta. “A Antártida era o único que faltava. E posso dizer que guardei o melhor para o final... a beleza da Antártida é de tirar o fôlego”, declara.
Designar os destinatários das cartas foi uma manifestação de carinho por pessoas que ela admira e amigos próximos, considera a escritora. “Todos participaram da ideia e, no dia que recebiam a carta, publicavam seu conteúdo nas redes sociais para que nossos outros amigos pudessem ler também e acompanhar a viagem”, explica ela.
projetos“Antártida – Cartas do Fim do Mundo” é o segundo livro da advogada. O primeiro, “Ana Bolena”, também foi publicado pela Editora Valer, e hoje está na segunda edição. “Estou focada agora em desenvolver minha dissertação de mestrado, mas tenho sim planos para um novo livro no futuro. Espero que dê tudo certo”, alega.

A obra pode ser adquirida pelo site da Editora Valer (www.editoravaler.com.br) ou pelo WhatsApp (92) 99613-1113. Para Manaus, a entrega é gratuita e o livro está em promoção de pré-venda por R$ 32. 

Uma grande viagem
 As aventuras de uma jovem, no continente mais gelado da Terra, contados por meio de relatos solitários, feitos por ela a 10 amigos. Fazer essa expedição foi a realização um grande sonho que a jovem Bruna compartilhou na vida real e agora chega aos leitores, por meio de uma narrativa rica e sensível. Antes de ser um compilado com dicas de turismo ou científicas sobre o continente, o livro é, como explica a própria autora, um relato das lições vividas e aprendidas. Com ele, Bruna incentiva os leitores na busca de seus próprios sonhos.

 

 

*Jornalistas, subeditora e editora do caderno Bem Viver no jornal A CRÍTICA.


Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.